Artigos com o marcador Estação de Tratamento

Centrífugas decanter para aplicações industriais

O mercado de equipamentos de contínuos de alta produtividade vêm aumentando a cada dia, reduzindo custos com produção, logística e operação, e, principalmente, aumentando a qualidade do produto final. Hoje, as Centrífugas decanter são as mais eficientes e são aplicadas a diversas áreas: química, alimentícia, farmacêutica, etc. São utilizadas em processos que envolvem separação de 2 ou 3 fases, sólido-líquido, e que muitas vezes não podem ser filtradas. Algumas das aplicações são: desidratação de lodo de ETE e ETA, clarificação de óleo, desidratação de borra oleosa, desidratação de diversos tipos de farinhas, sucos de frutas, petroquímicas, minerais, plásticos e resinas,etc. Tem alta produtividade, baixo custo de manutenção e operação e são confeccionadas em aço inox 304 ou 316 ou de acordo com o produto a ser processado. As Centrífugas decanter têm alta produção e podem chegar a produzir até 120 m³/hora.

decanter

Nós temos a linha de fabricação de decanters, e comercializamos também as decanters da B&P. Entre em contato conosco para mais informações.

Matéria por: Engenheiro Paulo Nagamuta
Edição: Eduardo Slabocicor Cavalcanti

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (14 votes, average: 5 out of 5)
Loading ... Loading ...

Tratamento de efluentes processo físico-químico

Atualmente, com a alta emissão de poluentes (sólidos, líquidos e gasosos), os órgãos responsáveis pelo legislação e controle ambiental estão com leis e monitoramento cada vez mais rígidos, incentivando a conscientização ambiental nas empresas, em todos os setores desde a administração até a produção. E, pensando em minimizar as descargas líquidas, foi criado um sistema de tratamento de efluentes por processo físico-químico que envolve todos os tipos de efluentes líquidos, seja de origem orgânica ou inorgânica. O princípio de funcionamento é a aplicação de produtos químicos para neutralização-decantação dos poluentes existentes no efluente, posteriormente separados por filtros especialmente projetados para cada tipo de efluente. Por isso cada unidade de tratamento é desenvolvida para cada tipo de efluente, diferenciando-se de outros modelos. As unidades são compactas, contínuas e automáticas e podem ser controladas e monitoradas por meio de computador via internet, necessitar a presença de estar no local da unidade. O custo-benefício, dependendo da situação, é bem viável, pois os efluentes podem ser reutilizados no processo produtivo ou em lavagens de ruas, veículos, irrigação, água para incêndio, etc.

Matéria por: Engenheiro Paulo Nagamuta
Edição: Eduardo Slabocicor Cavalcanti

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (9 votes, average: 5 out of 5)
Loading ... Loading ...